a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Esportes

Publicidade

Inter goleia o Novo Hamburgo por 3 a 0 no Estádio do Vale

O Internacional conquistou a segunda vitória seguida no Gauchão 2018 ao golear o Novo Hamburgo por 3 a 0 na tarde deste domingo, no Estádio do Vale. Os três gols foram marcados de cabeça, por Thales, Danilo Silva e Nico López. Na quarta-feira (24/1), às 21h45, o desafio é contra o Caxias, no Centenário. Confere […]

Por: Asscom
Fotos: Ricardo Duarte/Inter
galeria_foto_816e57a5045b821438d322ad7693cd18

O Internacional conquistou a segunda vitória seguida no Gauchão 2018 ao golear o Novo Hamburgo por 3 a 0 na tarde deste domingo, no Estádio do Vale. Os três gols foram marcados de cabeça, por Thales, Danilo Silva e Nico López. Na quarta-feira (24/1), às 21h45, o desafio é contra o Caxias, no Centenário. Confere abaixo o relato da partida válida pela segunda rodada do Estadual!

Escalação com estreias e novidades

O Inter começou o duelo no Vale do Sinos com um time diferente do que venceu o Veranópolis na estreia no campeonato. Com o objetivo de evitar o desgaste excessivo neste começo de temporada, alguns jogadores foram poupados – Klaus, Rodrigo Dourado, D’Alessandro, Camilo e Leandro Damião ficaram de fora da partida, assim como Uendel e Dudu, lesionados. Cláudio Winck, Víctor Cuesta, Edenilson e William Pottker iniciaram no banco de reservas.

Assim, outros atletas do grupo ganharam chance entre os titulares, alguns estreando com a camisa colorada, como o larteral direito Ruan, o volante Patrick e os atacantes Marcinho e Roger. O Colorado foi a campo com: Danilo Fernandes; Ruan, Danilo Silva, Thales e Iago; Charles e Gabriel Dias, Marcinho, Nico López e Patrick; Roger.

Com ‘chute de cabeça’, Thales faz 1 a 0

Disputado sob chuva intermitente, o confronto começou truncado, com muita marcação e intensa disputa pela posse de bola . Aos 15min, Nico López escapou em velocidade pela esquerda e fez cruzamento rasteiro para área que só não acabou em gol porque Lito fez o corte providencial para escanteio antes que Marcinho conseguisse o desvio fatal. Pouco depois, Nico López cobrou escanteio e Thales saltou soberano entre os defensores do Nóia para, de cabeça, com força, colocar a bola no ângulo esquerdo. Belo gol do zagueiro formado no Celeiro de Ases!

Aos 25min, em rápido contra-ataque, o Inter quase ampliou: Patrick recebeu lançamento de Roger, avançou pela intermediária e tocou para Marcinho, que chutou para fora. No minuto seguinte, Roger disparou uma bomba que passou muito próxima ao gol adversário.Aos 31min, os donos da casa assustaram, em chute venenoso de Assis que Danilo Fernandes espalmou para a linha de fundo. Aos 43min, Nico López entrou na área pela esquerda e chutou cruzado para a defesa do goleiro Max.

Inter segura pressão e amplia com Danilo Silva

No segundo tempo, o Novo Hamburgo lançou-se ao ataque em busca do empate, mas a defesa colorada se fechou bem e conteve o ímpeto do adversário. Aos 28min, o Inter chegou ao segundo gol, novamente na bola parada e com um zagueiro marcando o gol: Edenilson, que havia entrado no lugar de Patrick, cobrou escanteio e Danilo Silva cabeceou para o fundo da rede.

Mais um de cabeça: Nico López faz 3 a 0

Aos 33min, William Pottker – que também havia ingressado momentos antes no lugar de Marcinho – cruzou na medida para Nico López cabecear no cantinho esquerdp, sem chance alguma para Max. Foi 19º gol do atacante uruguaio com a camisa do Inter. A segunda vitória da temporada estava garantida!

Ficha técnica:

Novo Hamburgo (0): Max; Lito, Talis, Júlio Santos e Assis; Tiago Ott, Diogo Oliveira, Conrado (Jean Silva), Juninho e Branquinho (Henrique); Edson Reis (Flávio Torres). Técnico: Beto Campos.

Internacional (3): Danilo Fernandes; Ruan, Danilo Silva, Thales e Iago; Charles e Gabriel Dias, Marcinho (William Pottker), Nico López e Patrick (Edenilson); Roger (Juan). Técnico: Odair Hellmann.

Gol: Thales (I), aos 17min do primeiro tempo, Danilo Silva (I), aos 28min do segundo tempo, Nico López (I), aos 33min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Lito, Branquinho, Assis (NH); Charles, Iago (I).

Arbitragem: Anderson Farias, auxiliado por Fabrício Lima Baseggio e Gustavo Marin Schier.

Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE