a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Estado

Publicidade

Servidores que ganham até R$ 10 mil líquido recebem nesta sexta-feira

Segue a previsão de quitar os salários de setembro até a próxima terça-feira, 17

Por: Governo do Estado
PORTO ALEGRE, RS, BRASIL 25.09.2017: O governador José Ivo Sartori fez um pronunciamento nesta segunda-feira (25), no Salão Negrinho do Pastoreio do Palácio Piratini, sobre a situação da folha de pagamento do funcionalismo público do Estado. Ele esteve acompanhado do procurador-geral do Estado, Euzébio Ruschel; do secretário da Fazenda, Giovani Feltes; e dos secretários da Coordenação de Governo, Carlos Búrigo, Fábio Branco e Cleber Benevgnú. Foto: Luiz Chaves/Palácio Piratini

O governo do Estado paga, nesta sexta-feira (13), os salários de setembro para os servidores vinculados ao Poder Executivo com rendimento líquido de até R$ 10 mil. Para quitar a folha para mais este grupo de funcionários (entre R$ 5 mil e R$ 10 mil), a Secretaria da Fazenda precisou dispor de R$ 314,2 milhões, valores com origem no imposto sobre os setores da indústria e do comércio. O novo depósito estará disponível para saque nas primeiras horas da manhã.

Ao longo desta semana, a cada dia útil houve pagamento integral para um contingente de servidores. Até o momento, o Estado colocou em dia os salários para 97% dos funcionários do Poder Executivo, o que significa 331.510 matrículas.
Ao quitar a folha para quem ganha até R$ 10 mil, o Estado integraliza o salário para 99,7% do Magistério, que é a maior categoria do serviço público.

A folha líquida dos 342.026 vínculos do Executivo (servidores ativos, inativos e pensionistas) fechou o mês de setembro em R$ 1,163 bilhão. Segue a previsão de quitar os salários de setembro até a próxima terça-feira (17).

Folha salarial do Poder Executivo – mês de Setembro

– 29/9 – até R$ 1.750 líquidos (137 mil matrículas) – R$ 184,2 milhões

– 29/9 – 10ª parcela do 13º salário de 2016 (100% dos servidores) – R$ 102 milhões

– 3/10 – folha integral das fundações – R$ 25 milhões

– 9/10 – até R$ 2,5 mil líquidos (195 mil matrículas) – R$ 132,9 milhões

– 10/10 – até R$ 4 mil líquidos (258 mil matrículas) – R$ 218,9 milhões

– 11/10 – até R$ 5 mil líquidos (287 mil matrículas) – R$ 139,7 milhões

– 13/10 – até 10 mil líquidos (331 matrículas) – R$ 314,2 milhões