PUBLICIDADE

Débora

MULTIPLIQUE O BEM

A atual pandemia que vivemos confinou o mundo em suas casas. Tanto quanto sei, é uma situação inédita. Não lembro, nem vi menção a algo parecido na história recente. Chefes de Estado ao redor do planeta pedindo que seus cidadãos evitem sair de casa, ou mesmo os proibindo de botar o pé na rua. Eu também estou confinada. E tenho percebido situações que gostaria de compartilhar com vocês.

A primeira é o contato mais próximo de pais e mães com seus filhos, sobretudo crianças. O cancelamento geral das aulas e o recolhimento dos adultos em casa permitiu uma aproximação, em termos de tempo, talvez tão inédita quanto o próprio confinamento. Me arrisco a dizer que muitos pais não conheciam direito seus filhos, ou se surpreenderam com o que descobriram. Sugiro aos pais que aproveitem essa oportunidade única, esse efeito colateral da doença que nos assusta. Mas um efeito bom. Conversem com suas crianças, brinquem com elas, as descubram. Perguntem a elas o que acham da situação que estamos vivendo. As respostas ajudarão vocês a perceber o que elas sabem, como sabem, o que esperam e quais são seus medos. Aí cabe a conversa, a orientação que vocês podem dar, sempre enfatizando que a ação de um pode afetar o destino o de todos, que devemos ser responsáveis e solidários. É uma oportunidade única de ensinar bons valores às crianças.

Outra coisa que também me surpreendeu nesses dias de quarentena foi a grande quantidade de pessoas dispostas a fazer o bem. A mobilização de voluntários anônimos, doando tempo, recursos, e mesmo arriscando a saúde, para ajudar o outro. Claro que as redes sociais facilitaram muito a aproximação virtual das pessoas e a mobilização para as boas causas. Mas apesar de sua grande importância operacional, elas são o veículo, não a mensagem. Elas conectam as pessoas, mas a palavra de conforto ou a vaquinha virtual para ajudar pessoas em dificuldade de viver sem trabalho ou reservas financeiras vêm do coração. Da bondade e da empatia com o sofrimento alheio. Da capacidade de multiplicar o bem.

 

 

Publicidade
Publicidade