a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Geral

Publicidade

Corpo de Bombeiros de Erechim orienta população a não utilizar fogos de artifício

No Brasil os artefatos levaram à internação hospitalar mais de 5 mil pessoas entre 2008 e 2017

Por: Da Redação
Sem título3

As vésperas das festas juninas e comemorações da copa do mundo o manuseio inadequado de fogos de artifício é motivo de preocupação. No Brasil os artefatos levaram à internação hospitalar mais de 5 mil pessoas entre 2008 e 2017.

Mas, quem não abre mão das comemorações com fogos de artificio deve ficar atento ao armazenamento e manuseio desses materiais. Além de adquirir os produtos em lojas credenciadas para o comercio destes artefatos. As regras devem ser seguidas, tanto pelos clientes quanto pelo comerciante, pois podem resultar muitas vezes em acidentes graves. ” É preciso ter cautela e sempre orientar os clientes de como usar, para que sejam evitados transtornos. Sempre digo que quando as instruções forem seguidas a riscas, nunca vai dar problema”, disse o comerciante Nei Zulian.

Para ele, que já comercializa fogos há pelo menos 30 anos, credenciado e com todos as exigências em dia, diz nunca ter tido problemas com a venda, mas o material é vendido em caixas que acompanham instruções de uso, armazenamento e idade. ” Todas as empresas que comercializam devem possuir alvarás da prefeitura, corpo de bombeiros e até da polícia civil. Além do contrato social de autorização de vendas fogos de artifícios”, reitera.

Sem título

Apesar do número de ocorrência não ser significativo na região o corpo de bombeiros de Erechim orienta a população para que mesmo assim não utilize os fogos. O comandante do Corpo de Bombeiros de Erechim, Alessandro Bauer diz que mesmo com as especificações e autorizações a orientação é de não utilizar. “Em virtude de ser um produto muito artificial, caso seja mal manuseado as consequências podem ser sérias, por isso, mesmo que tenhamos poucas ocorrências, a nossa orientação é de que não seja utilizado esse tipo de artefato”, disse.

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade