a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Educação

Publicidade

Curso de Psicologia recebe renomado neuropsicólogo em minicurso da Semana Acadêmica

O extenso currículo e as entrevistas cedidas para veículos de comunicação de todo o país, não deixam dúvidas sobre a qualidade do trabalho desenvolvido pelo neuropsicólogo Luciano J. P. Alves. O profissional esteve na manhã do último sábado, 19 de maio, no Instituto de Desenvolvimento Educacional do Alto Uruguai (IDEAU). Na oportunidade, dezenas de acadêmicos […]

Por: Asscom
Fotos: Divulgação
19-05-minicurso-psico (2)

O extenso currículo e as entrevistas cedidas para veículos de comunicação de todo o país, não deixam dúvidas sobre a qualidade do trabalho desenvolvido pelo neuropsicólogo Luciano J. P. Alves. O profissional esteve na manhã do último sábado, 19 de maio, no Instituto de Desenvolvimento Educacional do Alto Uruguai (IDEAU). Na oportunidade, dezenas de acadêmicos participaram do minicurso sobre Constelação Sistêmica Familiar.

 

Segundo Alves, a nomenclatura do conceito não exprime com exatidão o nome inicial da teoria, uma vez que passou por várias traduções. Originariamente, o conceito criado pelo psicanalista alemão Bert Hellinger, remetia o significado de: Posicionamento Familiar. Em linhas gerais, trata-se de uma teoria dentro do campo da psicoterapia que estuda e considera o indivíduo como alguém pertencente do sistema em que ele está integrado. Significa, dessa maneira, olhar para a história em busca de descobrir motivos e causas de bloqueios que fogem da compreensão de cada um.

 

Durante o minicurso, os acadêmicos tiveram contato com os conceitos e abordagens que envolvem a Constelação Familiar. Ainda que a técnica possa ser trabalhada por profissionais de outras áreas, Alves enfatiza a importância do profissional da psicologia na atuação, “A grande vantagem de você ser psicólogo ao trabalhar com essa técnica é que, todo processo psicoterápico mexe muito com a pessoa, e, ela vai precisar de uma forma de reestrutura isso dentro do campo da psicologia, através de um profissional”, esclarece o neuropsicólogo.

 

A coordenadora do curso de Psicologia, professora Jordana Calcing, relata como essa prática terapêutica é importante na área de atuação enquanto uma técnica inovadora. “Surgem no campo das relações humanas novas percepções e olhares em relação às formas de nos relacionarmos e conectarmos com o outro, a partir disso constatamos a relevância da técnica para os alunos enquanto futuros profissionais”.

A ideia de trazer para debate este tema surge, segundo a coordenadora, da observação de uma tendência no que se refere a Constelação Familiar. Ela acredita na possibilidade da técnica contribuir com o profissional na prática, seja em clínica ou em processos grupais.

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade