PUBLICIDADE

Cidade

Publicidade

Em conferência, PCdoB elege sua nova direção em Erechim

Atualmente com uma cadeira no Poder Legislativo, o PCdoB já trabalha visando às eleições de 2020

Por: Ascom
pcdob

Na noite da última terça-feira (5), os filiados erechinenses do Partido Comunista do Brasil se reuniram no plenário da Câmara Municipal para a conferências que elegeu a nova direção do partido na cidade, liderada pelo presidente Júlio Dornelles. Também compõem a comissão política da sigla Magda Schmitt (vice-presidenta), Rudi Piana (secretário de organização), Giulianno Olivar (secretário de comunicação), Ariane Pasuch (secretária de finanças) e Fabrício Biazin (secretário de formação). A vereadora Sandra Picoli também faz parte da comissão por ter mandato eletivo. Na ocasião, que contou com a presença do presidente do PCdoB no Rio Grande do Sul, Juliano Roso, também foram escolhidos os delegados que participarão da Conferência Estadual, no próximo dia 23, em Porto Alegre.

Atualmente com uma cadeira no Poder Legislativo, o PCdoB já trabalha visando às eleições de 2020. Segundo o novo presidente, o momento exige muito diálogo e, sobretudo, muito empenho da militância. “Nosso partido deseja uma transformação da sociedade. Já estamos elaborando várias frentes de trabalho para o pleito do próximo ano, muitas ideias estão sendo elaboradas e analisadas. Mas já podemos garantir que esta gestão marca uma nova era no PCdoB erechinense”, afirma.

Apesar da onda de conservadorismo extremo pela qual passa a sociedade – tanto em âmbito federal quanto estadual e municipal –, Júlio é otimista em relação ao futuro, mesmo com a equivocada visão que muitos têm do que é o comunismo e pelo que lutam os partidos de esquerda. “Quando a população perceber que estamos do mesmo lado do trabalhador, que defendemos a democracia, os direitos e combatemos a desigualdade, será muito mais fácil recuperar a confiança das pessoas”, reflete o presidente, que se diz honrado com o desafio de liderar em Erechim o partido mais antigo do Brasil. “É a maior honraria que eu, como militante, poderia receber. Enquanto estivermos a frente do PCdoB erechinense, nosso lema será sempre ‘pensarmos no coletivo’”, completa.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade