PUBLICIDADE

Economia

Publicidade

Empresário gaúcho diz que políticos estão usando coronavírus para derrubar Bolsonaro

Eleonor Becker, dono de um grande grupo empresarial do país, contesta medidas e pede reabertura do comércio

Por: Da Redação
Fotos: Internet
0086034_regular_presidente-lojas-becker-eleonor-becker-regiao-das-missoes-geladeira-televisao-banho-eletrodomesticos-industria-musical--karin-schmidt----(16)

Após o anúncio do governador Eduardo Leite, na noite da ultima terça-feira, 31, de que o comércio deverá manter as portas fechadas até o próximo dia 15, foram inúmeras as demonstrações de revolta, principalmente, da classe empresarial gaúcha. Entre os áudios que circularam pelas redes sociais, um dos que chamou a atenção foi o desabafo do empresário, Eleonor Becker, dono de um grande grupo empresarial do país. Em uma das mensagens de WhastApp, Becker declarou ao deputado estadual e presidente da Assembléia Legislativa, Ernani Poli, que “a chave da minha empresa, construída com o suor de 60 e poucos anos, está aqui disponível. Só me devolve daqui a cinco anos o meu patrimônio e pode ficar com o lucro”.

O empresário é proprietário da rede de Lojas Becker, que tem 267 lojas e emprega 4.800 trabalhadores. Em entrevista ao programa Aldeia Global da Rádio Sepé de Santo Ângelo (Noroeste do RS), Becker declarou que as medidas tomadas por alguns governos estaduais em relação ao coronavírus foram tomadas em conspiração contra o presidente Jair Bolsonaro. “Temos meia duzia de governadores que querem derrubar o presidente…. Usam o pretexto do vírus chinês para derrubar o governo. Olha tem muita gente que pode não gostar do que eu vou dizer mas eu acho que tem que botar os milicos assumir isso aí. Fecha o Congresso e o Senado. Seria a melhor coisa que poderia acontecer e fazer a roda andar”, declara.

Eleonor Becker mandou áudios com reclamações ferozes ao governador do Rio Grande do Sul e ao presidente da Assembleia, Ernani Polo. “Fui  eleitor do Polo, trabalhei pra ele ajudei financeiramente na campanha dele, mas ele nem sequer me telefonou nestes últimos 35 dias de crise sanitária para saber o que eu penso. Estes são os nossos políticos, que nunca empreenderam nada”, declarou.

O grupo Becker reúne oito empresas, inclusive indústria, atividade agrícola e transporte de cargas. Está entre as 200 maiores empresas geradoras de ICMS do Estado. O empresário quer imediata reabertura do comércio e da indústria, ainda que seja com medidas mitigatórias e mantendo idosos e grupos de risco em casa.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade