divdiv
PUBLICIDADE

Cidade

Publicidade

Erechim e região aguardam chegada de doses da Coronavac para imunização

A região é composta por 33 municípios e mais de 240 mil habitantes

Por: Dhieison Cardoso
Capa-imunização

O governador do Estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), foi ao Centro de Distribuição Logística do Ministério da Saúde, em Guarulhos (SP), buscar de forma simbólica, as doses da vacina Coronavac do Instituto Butantan contra a Covid-19 que serão distribuídas nas regiões do estado para imunização da população gaúcha.

O estado receberá 341,8 mil doses e segundo o coordenador da 11ª Coordenadoria Regional de Saúde Fábio Fantin, ainda não se tem um número de doses serão destinadas para nossa região. ”O Governador está retirando as doses que virão aqui para o Rio Grande do Sul e depois o nível central fará a separação para nós vermos quanto cada regional vai receber, neste exato momento, eu não tenho o quantitativo que vai vir para nossa região.”, informou Fábio.

Logística

O coordenador regional de saúde tranquilizou os secretários de saúde dos municípios, e disse que estão buscando viabilizar o mais breve possível a distribuição da vacina. ”Nós como coordenadoria estamos todos preparados, esperando o ‘start’ do estado para podermos se movimentar em busca dessas doses para que a gente possa imunizar a população da 11ª.”, explicou Fantin.

A região possui uma população com mais de 240 mil habitantes e é composta por 33 municípios, sendo eles, Aratiba, Áurea, Barão de Cotegipe, Barra do Rio Azul, Benjamin Constant do Sul, Campinas do Sul, Carlos Gomes, Centenário, Charrua, Cruzaltense, Entre Rios do Sul, Erebango, Erechim, Erval Grande, Estação, Faxinalzinho, Floriano Peixoto, Gaurama, Getúlio Vargas, Ipiranga do Sul, Itatiba do Sul, Jacutinga, Marcelino Ramos, Mariano Moro, Nonoai, Paulo Bento, Ponte Preta, Quatro Irmãos, Rio dos Índios, São Valentim, Severiano de Almeida, Três Arroios e Viadutos.

Vacinação em Erechim

A comunicação da Prefeitura da cidade, informou através de nota que prevê o início da vacinação nesta semana.

Segundo a secretária de Saúde de Erechim, Eclesan Palhão, o objetivo da vacinação, neste momento, é reduzir morbimortalidade pelo novo coronavírus e manter a manutenção da força dos serviços de saúde e funcionamento dos serviços essenciais.

“Neste sentido, e seguindo a determinação do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde (MS), o município de Erechim irá iniciar a vacinação no momento em que recebermos do Estado do Rio Grande do Sul as doses destinadas ao público-alvo para este momento”, declara a secretária.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE