PUBLICIDADE

Economia

Publicidade

Gás de cozinha aumenta a partir desta semana

Além disso, o Conselho Nacional de Política Energética decidiu revogar uma resolução que permite a prática de preços diferenciados do gás

Por: Paloma Mocellin
Screenshot_2

Como bem diz o ditado, o que é bom dura pouco. Bem pouco. E com o preço do gás de cozinha, não foi diferente. O valor do botijão nem chegou a diminuir e o aumento foi anunciado. Serão dois reais a mais no preço final do produto. Para quem revende, não vai ter jeito, o repasse vai ser feito ao cliente. “Na verdade esse reajuste é anual, todo o ano em setembro ele é feito. Um valor de 1 a 2 reais que vamos ter que repassar. Não temos como absorver. São quase dois mil botijões vendidos por mes então se formos absorver o prejuízo vai ser muito grande”, reiterou o empresário de uma revenda de Erechim, Jorge Carraro. Só que tem mais notícia por aí. O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) decidiu, hoje revogar uma resolução que permite a prática de preços diferenciados do gás.

A resolução era do ano de 2005 e estabelecia que o botijão residencial de 13 kg teria preços menores do que aquele a granel utilizados pela indústria. A ideia era que a medida auxiliasse as famílias de baixa renda. Só que de acordo com o ministério de minas e energia o fim dessa pratica corrige as distorções no mercado e ainda contribui com o aumento da oferta.

Só que para quem tem o dinheiro contado no final do mês. A situação só piorou. Anderson recebeu a notícia do aumento hoje, pelo entregador do gás.  “No meu ponto de vista o consumidor é sempre desfavorecido. Primeiro uma baixa de poucos centavos e agora um aumento de quase dois reais. Gasolina cara, gás, fica complicado. Tem que tirar um pouquinho de tudo que necessitamos para conseguir dar conta. Afinal tudo é uma necessidade”, disse o mecânico, Anderson Bilhar.

Os novos valores começam a ser praticados a partir de segunda-feira quando o botijão que antes custava 70,00 vai passar a custar pelo menos R$ 72,00. Este é o terceiro aumento do ano no preço do gás de cozinha.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade