PUBLICIDADE

Geral

Publicidade

Grupo de amigas se torna princesas afro-americanas da Disney

Para comemorar o Mês da História Negra, 14 mulheres afro-americanas se reuniram para vestir, à sua maneira, princesas da Disney e representar sua cultura.

Por: We Fashion Trends
mulheres-africanas-princesas-das-disney

Audrey Young é a mente criativa por trás do projeto. Seu fascínio por esse mundo de histórias começou quando ela era pequena, mas quando cresceu, ficou obcecada a ponto de formar uma pequena comunidade com a qual ela regularmente visita a Disneylândia. Esse é o objetivo da amizade!

Todos nós precisamos nos identificar com alguém

mulheres-africanas-recriam-princesas-da-disney

Além de se divertirem, as meninas se tornaram criativas e concordaram em fazer um projeto fotográfico no qual recriariam os personagens coloridos da Disney. Mas depois de apenas duas sessões (como as musas de Hércules e Tiana), elas ficaram sem opções, então decidiram mudar a aparência dos personagens.

Quero que todas as meninas que não estão representadas e que tenham sido informadas de que seu tom de pele e cabelos são indesejáveis, saibam que são lindas princesas. O padrão de beleza é você! Você pode ser uma sereia, uma chefe, uma guerreira, uma aventureira. Sonhe grande e ouse! – Audrey Young

Audrey como Ariel

ariel-africana

Tiffie como Rapunzel

Rapunzel-africana

Lauren vestida como Bella

Bella-Africana

Michelle deu vida a Mérida

Merida-Africana

Erika recriou Branca de Neve

branca-de-neve-Africana

Cherish transforma Pocahontas

Pocahontas-Africana

Tiffany se divertiu como Elsa

Elsa-Africana

Dominique Brown sentiu-se como Tiana

Tiana-Africana

Jess era Cinderela

Cinderella-Africana

Alia se colocou na pele de Moana

Moana-Africana

Renitra imitou Jasmine

Jasmine-Africana

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade