- Atmosfera On.line - https://atmosferaonline.com.br -

Marista Medianeira conquista prêmio em Desafio Nacional da Petrobras  

 

De 22 a 26 de outubro, na cidade de Rio Grande, o Colégio Marista Medianeira participou do Robótica 2019, o maior evento de robótica da América Latina. Durante o Robótica, foram realizadas a 18ª Latin American Robotics Competion (LARC), a 17ª Competição Brasileira de Robótica (CBR), as versões para o Brasil e América Latina da Robocup Open, as finais da Olimpíada Brasileira de Robótica, e o Desafio de Robótica Petrobras/Robocup Brasil – Robôs Aéreos​, do qual a equipe Cavalo Vendado do Marista Medianeira participou e conquistou premiação. Disputando com dez equipes brasileiras de nível universitário, a equipe Cavalo Vendado do Colégio conquistou o 3º Lugar no Desafio de Robótica Petrobras, trazendo mais um título importante para nossa escola, e também para a nossa cidade e estado. Além deste desafio, nossos estudantes também apresentaram seis trabalhos na Mostra Nacional de Robótica.

A competição foi dividida em 4 fases, nas quais o drone deveria voar de forma autônoma, utilizando princípios de visão computacional e executando tarefas como: pousar e decolar de bases suspensas e terrestres; identificar e transportar peças com QR Code para locais indicados; e seguir um duto, identificando cores que representavam partes danificadas do percurso. Para a tarefa final, a equipe preparou uma apresentação que deveria ​​contemplar os seguintes critérios: Originalidade (o quanto a demonstração é original e avança no estado-da-arte); Dificuldade técnica (o quanto é tecnicamente avançada a demonstração apresentada); e Robustez (o quanto o robô é eficaz em repetir a demonstração várias vezes com sucesso).

A classificação geral do Desafio de Robótica Petrobras/Robocup Brasil – Robôs Aéreos foi a seguinte:

1º Lugar: Equipe Hydrone (Universidade Federal do Rio Grande – FURG)
2º Lugar: Equipe LESC (Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UTFPR)
3º Lugar: Equipe Cavalo Vendado (Colégio Marista Medianeira)

De acordo com o instrutor de Robótica do Colégio, Necleto Pansera Júnior, a participação dos estudantes na competição foi muito importante. “Estar presente em um dos maiores eventos brasileiros e da América Latina de Robótica é grandioso para a nossa equipe, pois é uma competição que envolveu alto nível de conhecimento e possibilitou aos nossos estudantes vivenciarem experiências com outros participantes, de um nível acadêmico maior, como universitários e, até mesmo, profissionais da área de robótica”, afirmou o instrutor.​