divdiv
PUBLICIDADE

Cidade

Publicidade

Medicamento do ‘kit intubação’ segue em escassez no Hospital Santa Terezinha

Alguns insumos foram entregues e suprida a demanda, porém um deles segue em escassez e pode faltar até domingo

Por: Dhieison Cardoso
Fotos: Imagem Ilustrativa
intubação covid

Após a escassez de medicamentos para intubação no tratamento da Covid-19 no Hospital Santa Terezinha ter sido confirmada na última semana do mês de março, dia 30, a direção do Hospital buscou sanar a falta de medicamentos e atender a demanda existente para o atendimento dos pacientes.

Alguns dos insumos foram entregues e suprida a demanda, porém um deles segue em escassez, se trata do Rocurónio ou Brometo de rocurônio que segue com estoque baixo no HST.

O medicamento é usado como relaxante muscular que permite com mais segurança deitar o paciente de barriga para baixo, além disso, permite as condições adequadas para realizar a intubação.

O diretor do Hospital, Rafael Ayub, informou que está tentando regularizar a situação até o final de semana e que os demais medicamentos a situação está normalizada desde que as entregas previstas sejam realizadas.

Caso o estoque não seja reposto, a previsão é que o medicamento dure apenas quatro dias.

Leia mais: Hospital Santa Terezinha pode ficar sem medicamentos para intubação neste final de semana.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade