a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Educação

Publicidade

Pais, professores e alunos podem opinar sobre o Novo Ensino Médio no Estado

O objetivo dessa atividade é diagnosticar aspectos que incidirão na oferta de diferentes itinerários formativos, a partir dos interesses e necessidades dos estudantes e com as possibilidades do sistema de ensino

Por: 15ª CRE
Fotos: Ilustração
estudanimagem 2

A partir do dia 10 até o dia 30 de junho, as escolas-piloto do Novo Ensino Médio do RS realizarão uma ação que faz parte da implantação do Novo Ensino Médio, a aplicação dos instrumentos de escuta com alunos, professores, pais e comunidade escolar.

O objetivo dessa atividade é diagnosticar aspectos que incidirão na oferta de diferentes itinerários formativos, a partir dos interesses e necessidades dos estudantes e com as possibilidades do sistema de ensino, bem como, consultar quais são as demandas da comunidade onde as escolas estão inseridas.

Na 15ª CRE são 10 escolas participando deste projeto piloto: E.E.E. Básica Aratiba (Aratiba), E.E.E.M. Erval Grande (Erval Grande), E.E.E.M. Francisco de Assis (Estação), Col. E. Sananduva (Sananduva), E.E.E.M. Nossa Senhora de Lourdes (Três Arroios), Col. E. Libano Alves de Oliveira (Gaurama), E. E. E. Básica Érico Veríssimo (Jacutinga), Inst. E. E. Marcelino Ramos (Marcelino Ramos). Em Erechim, a E. E. E. M. Érico Veríssimo e o Col. E. Haidée Tedesco Reali.

Através do link http://portal.educacao.rs.gov.br/novo-ensino-medio os pais,    professores, alunos do ensino médio, alunos do 8º e 9º ano do ensino fundamental e comunidade em geral podem acessar  e responder este importante instrumento de escuta.
A partir da garantia de aprendizagens essenciais e comuns a todos, referenciadas na BNCC, e da oferta de itinerários formativos organizados e estruturados pedagogicamente, o estudante poderá escolher, entre diferentes percursos, a formação que mais se ajusta às suas aspirações e aptidões e ao seu projeto de vida.

O Novo Ensino Médio coloca o jovem no centro da vida escolar, de modo a promover uma aprendizagem com maior profundidade e que estimule o seu desenvolvimento integral, por meio do incentivo ao protagonismo, à autonomia e à responsabilidade do estudante por suas escolhas e seu futuro.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade