PUBLICIDADE

Tecnologia

Publicidade

Pesquisadores desenvolvem processadores para produção de imagens de alta resolução a bordo de satélites

Processador tem consumo de energia eficiente

Por: Ascom
satélite

Estudo sobre o desenvolvimento de um acelerador em hardware para aprimoramento da resolução espacial de imagens hiperespectrais foi publicado por pesquisadores do Laboratório de Sistemas Embarcados e Distribuídos (LEDS) da Escola do Mar, Ciência e Tecnologia da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) na revista IEEE Geoscience and Remote Sensing Letters. A publicação reúne artigos que apresentem novas ideias e conceitos formativos em sensoriamento remoto.

O acelerador proposto foi especialmente projetado para aplicar o algoritmo de pansharpening que funde imagens hiperespectrais e pancromáticas para produzir imagens hiperspectrais de alta resolução espacial. Os resultados experimentais relatados demonstram que o processador é eficiente em termos de energia e pode ser usado para processamento a bordo de nano e microssatélites  para sensoriamento remoto da Terra.

A pesquisa foi desenvolvida pelo professor e pesquisador Felipe Viel para dissertação do Mestrado em Computação Aplicada da Univali. Ela contou com a parceria dos pesquisadores e professores da Univali Cesar Zeferino, orientador do trabalho, e Wemerson Parreira, além da colaboração do professor Altamiro Susin da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). A integra do estudo pode ser conferida clicando aqui: https://ieeexplore.ieee.org/document/9146516.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade