a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Educação

Publicidade

Vereador Oldra participa da Conferência Nacional Popular de Educação em Porto Alegre

Na sexta-feira (9) e no sábado (10), o parlamentar participou como delegado, representando o Poder Legislativo, da etapa estadual Conape

Por: Da Redação
Fotos: Divulgação
oldra Matéria - Conape

Oriundo do meio educacional, o vereador Alderi Oldra (PT) sempre demonstrou uma preocupação especial para com esta bandeira, que defende desde seu primeiro mandato. Na sexta-feira (9) e no sábado (10), o parlamentar participou como Delegado, representando o Poder Legislativo, da etapa estadual da Conferência Nacional Popular da Educação (Conape), realizada em Porto Alegre. Foram tratados na conferência assuntos relevantes ao momento em que se encontra a educação, tanto a níveis estadual quanto federal.

Uma das presenças na Conape foi a do doutor em Educação Gaudêncio Frigotto, que ministrou palestra analisando o contexto educacional do país atualmente. “Foi uma discussão importante, onde foi abordada, também, a PEC 55, que prevê o congelamento dos investimentos durante 20 anos, afetando principalmente áreas de grande relevância para a sociedade, como educação, saúde e assistência social”, explica Oldra.

Participaram da conferência diversos representantes de Erechim e da região do Alto Uruguai, como delegados do Sindicato dos Professores do Ensino Privado (Sinpro), CPERS, universidades e escolas. Além de palestras e conversas a respeito dos rumos do ensino, foi aprovada na Conape a Carta do Rio Grande do Sul pela Educação, documento oficial que condena ações como a reforma do ensino médio e a base comum curricular, entre outros pontos classificados como retrocesso, além de convocar a população a participar da discussão. A carta será levada à etapa nacional do encontro, em maio, em Belo Horizonte (MG). “É importante que a comunidade participe deste debate sobre a minimização dos investimentos em educação. A Conape surgiu como um movimento para cobrar dos governos o cumprimento do Plano Nacional de Educação”, ressalta Oldra.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade