a rádio web da cidade

AO VIVO
Baixe já seu app
PUBLICIDADE

Esportes

Publicidade

Ypiranga vai à final da Super Copa RS e garante vaga na Copa do Brasil de 2017

Canarinho venceu decisão dramática contra o São José, nos pênaltis, na tarde deste domingo e como o Inter avançou na outra semifinal, já tem vaga assegurada na próxima Copa do Brasil

Por: Edson Castro
Fotos: Edson Castro
ypi-saojose

O Ypiranga está na final da Super Copa RS. Na tarde deste domingo, o Canarinho venceu o São José, nos pênaltis, por 8 a 7, após 0 a 0 no tempo normal da partida.

Como o placar do tempo normal foi o mesmo do jogo de ida, a decisão foi para os pênaltis, onde Carlão fez duas defesas, marcou um gol e ajudou o Canarinho a garantir a vaga na final.

De quebra, devido a classificação do Inter para a decisão, eliminando o caxias na outra semifinal, o Ypiranga já está garantido na Copa do Brasil de 2017, independente se vier a ser campeão da Super Copa RS neste ano.

As datas da decisão do título ainda não foram anunciadas pela Federação Gaúcha de Futebol.

ypi-saojose2

O jogo

O primeiro tempo de jogo começou com as duas equipes marcando forte e criando pouco ofensivamente. Tanto que o primeiro chute a gol com algum perigo veio aos 12min05. E foi do São José. Após troca de passes, Rafinha chutou cruzado, mas para fora.

Aos 21min, mais uma chance para os visitantes. Desta vez Carrilho arriscou se fora da área e exigiu bela defesa de Carlão. Pouco depois, aos 24min, Cláudio recebeu no contra-ataque e conclui para fora.

A primeira chegada com perigo real do Ypiranga aconteceu aos 29min. Márcio chutou de fora e Fábio espalmou para escanteio. Na cobrança, a bola sobrou para cabeceada de Tulio Renan que exigiu mais uma importante intervenção de Fábio.

Ainda na primeira etapa, aos 43min, Rafinha pegou de fora da área e Carlão espalmou para escanteio.

Já na etapa final, aos 12min o Ypiranga esteve próximo do gol em duas oportunidades. Primeiro no chute de Mikael que Fábio espalmou. No rebote Tulio Renan exigiu outra boa defesa de Fábio.

A 18min, outra vez Tulio Renan arriscou de fora e novamente Fábio fez importante defesa.A 29min Jean Paulo desviou de cabeça para fora. Um minuto depois, na cobrança de escanteio, a defesa do São José tentou afastar e acertou a própria trave, quase marcando contra.

Já a 42min, quem acertou a trave, desta vez a favor, foi Rogerinho, de fora da área. Mas sem gols no tempo normal, a decisão iria mesmo para as cobranças de pênaltis.

ypi-saojose3

Os pênaltis

Everton abriu a série de cobranças para o São José, e Carlão defendeu. João Paulo marcou para o Ypiranga. Na sequência, Marcio chutou por cima e Rafinha empatou para o São José. A partir dai, até a sétima série de cobranças, todos marcaram. Artur, Tulio Renan, Jean Paulo, Mikael, o goleiro Carlão e Carlos Farias anotaram para o Ypiranga. Rogerinho, Bindé, Paulinho, Marcel, Kelvin e Tairone fizeram para o São José.

Na oitava cobrança, Gilberto cobrou e Carlão defendeu. Sander fez e garantiu a vitória final pelo placar de 8 a 7 para o Canarinho.

Ypiranga – Carlão, Márcio, Negretti, Carlos Farias e Sander, Robson (Artur), Jessé (Rafael Alemão), Danilinho (Jean Paulo) e Matheus (Mikael), Maycon (João Paulo) e Tulio Renan. T – Carlos Moraes.

São José – Fábio, Bindé, Tairone, Éverton e Marcel, Carrilho, Cláudio (Gilberto), Jean (Rogerinho) e Rafinha, Paulinho e Klaus (Kelvin).

Local – Estádio Colosso da Lagoa, Erechim, RS.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Publicidade